O blog da Maria Filó

Ponto para elas: conheça mais sobre o Clube do Bordado

Foto: Clube do Bordado

Se você pensa em bordado e lembra logo da sua avó, temos o (grande) prazer de te apresentar o Clube do Bordado, que subverte esse imaginário e mostra que as linhas são lindas formas de expressão e união feminina.

Criado em 2013, o projeto é formado por 6 sócias-bordadeiras que criam ilustrações e bordados contemporâneos. Elas promovem encontros, dão cursos pelo Brasil e pela Europa, além de venderem no site suas criações e materiais para bordar.

Foto: Clube do Bordado

 

Aprender nunca é demais

E como não são bobas nem nada, aproveitam as redes sociais para ampliar o conhecimento e a troca de saberes. Abrindo assim, caminhos para a educação e para o olhar para dentro.

Elas criam conteúdos para lá de interessantes, como vídeos e ações que resgatam o valor dos trabalhos à mão. Afinal, os exercícios manuais podem ter um poder transformador. Eles podem ajudar a superar a ansiedade e estimular momentos de pausa.

Diante do corre-corre dos nossos dias, diante do excesso de informação, parar para bordar pode ser um ato revolucionário, repleto de cuidado e sensibilidade. Se você ainda pensa que bordar é uma tarefa quase impossível, ama pesquisar referências de arte, mas nunca deu o start nos seus projetos. As meninas do Clube tem uma lista de motivos especial para te convencer:

6 motivos para começar a fazer bordados

Foto: Clube do Bordado

Tem o mesmo efeito que meditação

Isso mesmo, já foi comprovado cientificamente que bordar induz a um estado de relaxamento similar ao da meditação e da yoga. Mas é claro que antes você precisa passar da fase do aprendizado para atingir o estágio onde a atividade reduz os batimentos cardíacos, a pressão arterial e os níveis de hormônios ligados ao estresse.

É terapêutico

O bordado pode te ajudar a passar por momentos chatos da vida justamente por ter efeitos que ajudam a acalmar e concentrar. Então, se estiver passando por um período de término de namoro, por exemplo, pode começar um bordado para manter a mente e as mãos ocupadas. Pois quando tiver terminado poderá sentir os efeitos positivos que o trabalho manual trouxe para esse processo difícil.

Ajuda a destravar a criatividade

Muitas vezes nos sentimos bloqueadas criativamente e o processo de desenhar ou criar uma ilustração. Mas escolher cores e pontos e praticar a técnica pode te ajudar a abrir sua mente para novas ideias.

Foto: Clube do Bordado

É uma atividade econômica

Os materiais para bordar são muitos acessíveis. Até porque, o único material que é um pouco mais caro é o bastidor e ele não é item obrigatório. Tecido, linha, agulha, tesoura. No canal do Clube do Bordado no Youtube você confere em vídeos gratuitos tudo o que você precisa para começar.

Os presentes estão garantidos

Além de ser econômico, o presente bordado pode ter muito mais valor sentimental que um presente comprado. Você vai ter que escolher ou criar um risco que tenha a cara da pessoa presenteada e passar horas pensando nela e bordando o presente. Quer mais valor agregado que isso?

Dá pra levar pra todo canto

Fila do banco, voo longo, almoço na firma e o trânsito no ônibus nunca mais serão os mesmos. Como os materiais de bordado não são volumosos e pesados, você pode carregá-los sempre com você. Quando surgir uma oportunidade é só tirar da bolsa e nenhum tempo será perdido.

Os motivos para você se entregar de vez à atividade são vários e bem especiais. Por isso, comece a pensar em aprender algo novo, um hobby que pode despertar novos talentos, desenvolver habilidades inesperadas. Se permita experimentar coisas novas e coloque o bordado nessa lista já!

  • Tags

  • Julho não é só o mês onde as festas julinas e de suas comidas delicios...
    saiba mais
  •   Reaproveitar é um verbo incrível e que abre um leque de possibi...
    saiba mais
  • Com a Vanessa Campos, a vida é amor de sobra. Para dar, sem vender. E....
    saiba mais
  • compartilhar post

    posts relacionados

      MARIA FILÓ © 2017 Todos os direitos reservados.