O blog da Maria Filó

Na Viagem

Os encantos da Costa Amalfitana, na Itália

A Costa Amalfitana é uma das viagens mais lindas que já fiz e acho que todos deveriam conhecer. Um lugar que reúne paisagens incríveis, cidades muito charmosas e uma gastronomia de deixar qualquer um com água na boca!

Você pode começar sua viagem por Roma e, de lá, alugar um carro e partir para Costa. Uma paradinha em Florença é sempre bem-vinda. Cidade romântica e absolutamente linda, com muitos jovens, já que é universitária e também lotada de turistas.

De lá, você pode ir para Positano, cidade fundada no século IX e com suas casinhas charmosas em cima do morro. Indico o maravilhoso hotel La Sirenuse, que além de ter uma vista deslumbrante, a localização é ótima, pois dá para ir a pé ao centro, passear, almoçar e jantar.

Outra cidade que vale uma passada é Sorrento, cheia de lojinhas e restaurantes abertos até de madruga. Depedendo da época do ano, o pôr-do-sol é indescritível! O Gran Hotel Cocomella é muito romântico e aconchegante.

Amalfi e Ravello são duas pequenas cidades, bem pertinho uma da outra, que têm que ser visitadas. Situadas entre o mar e a montanha, essas duas antigas vilas italianas são cheias de história e tradição, e representam a beleza atemporal da região. O Hotel Caruso é um dos melhores da região, com uma piscina infinita linda, serviço impecável e comida maravilhosa!

Mas, pra mim, o ponto alto da viagem foi a Capri, esta ilha paradisíaca com uma paisagem que nunca me saiu da cabeça: os rochedos no mar. A pequena ilha mediterrânea, no golfo de Nápoles, encanta todos os visitantes e não é à toa que ela foi berço de intelectuais, artistas e escritores do mundo inteiro no final do século XIX.

Fiquei hospedada no hotel Casa Morgano, que tem uma ótima localização, um visual incrível e um serviço impecável. Ele funciona como quase todos os hotéis da ilha, você entrega sua bagagem na estação do funicular – o que dá certo medo – e pega o trenzinho ou um táxi e, quando chega ao hotel, ela está lá, direitinha, esperando por você. Na ilha, o tráfego de veículos é restrito.

A gruta azul é o passeio mais famoso em Capri. Mas, para entrar na gruta, a maré precisa estar baixa.

O melhor a se fazer na ilha é andar, são inúmeros caminhos diferentes a serem descobertos a cada dia. Para ir até à praia é uma caminhada e tanto, mas o visual de tirar o fôlego nos fazer esquecer o esforço. Uma viagem mágica que recomendo a todos!

  • Tags

  • Chego em casa e vejo uma vela no formato de um ponto de interrogação e...
    saiba mais
  •       Sabe aqueles momentos de mudança, quando sentimos...
    saiba mais
  • Lua de mel romântica no Caribe
    07.01.2020 • Cultura
    É sempre difícil escolher o destino da lua de mel, mas é fácil imagina...
    saiba mais
  • compartilhar post

    posts relacionados

      MARIA FILÓ © 2017 Todos os direitos reservados.