O blog da Maria Filó

Sobre ser como se é

Felicidade por um fio

Pode ter passado desapercebido por muitas de nós, mas um filme doce e divertido que acaba de estrear na Netflix. “Felicidade por um fio”, ou Nappily Ever After na versão em inglês, conta a história de uma mulher que aparentemente tinha tudo.

Felicidade por um fio

Talentosa, forte, bela, inteligente e confiante, a publicitária Violet Jones tem um ótimo emprego e um namorado apaixonado, tudo caminhando na maior perfeição. Até que justamente uma decepção com o amado a faz ver o preço alto que pagava para manter a imagem de autoconfiança que a definia no trabalho e no amor.

Felicidade por um fio

Como muitas mulheres negras, Violet vivia presa a uma estética padronizada, desde nova alisando os cabelos e vivendo presa à imagem que construiu. Ela acordava bem mais cedo que o namorado para manter a aparência do cabelo e desde a infância colecionava situações de opressão para manter uma aparência que não era real.

Até que um dia, sufocada e decepcionada, ela toma uma atitude drástica, raspa os seus cabelos e recomeça a vida como uma nova mulher. Uma mulher livre, se reinventando a partir do que é de verdade. A partir daí muitas reviravoltas acontecem.

Felicidade por um fio

Ok, não vamos mais dar nenhum spoiler, só mesmo falar sobre a força do filme em mostrar o processo de redescobrimento de uma mulher através de algo que parece tão pouco aos olhos dos outros: os seus cabelos.

Uma lição preciosa que toca a todas nós, vale a pena assistir!

Quer conferir outros lançamentos incríveis? Clique aqui e leia outro post no nosso blog.

  • Tags

  • #Empoderamento
  • #Felicidade por um fio
  • #Mulheres negras
  • #Nappily Ever After
  • Representar sonhos, desejos e movimentos em forma de manifestações art...
    saiba mais
  • Pedalar para o mundo girar em equilíbrio. É com esse propósito que lan...
    saiba mais
  • Lugar de menina é onde ela quiser, inclusive em postos de liderança e ...
    saiba mais
  • compartilhar post

    posts relacionados

      MARIA FILÓ © 2017 Todos os direitos reservados.