O blog da Maria Filó

Personagens femininas que você precisa conhecer

Nada como conhecer histórias de outras mulheres para nos inspirar. Por isso, selecionamos algumas grandes personagens femininas do cinema para mostrar que nós somos grandes protagonistas. Guerreiras e donas das suas próprias histórias!

Nise

E se Chanel mostrou que para mudar o status quo é preciso muita coragem, a médica Nise deu uma aula de força e empatia no filme homônimo. Nele, a psiquiatra luta pelas mudanças no tratamento agressivo de hospitais psiquiátricos na década de 40. Uma mulher admirável que deu carinho e atenção para seus pacientes, incentivando a evolução artística deles como forma de expressão e socialização.

Estrelas Além do Tempo

Assim como Nise, as mulheres do filme Estrelas Além do Tempo precisam provar seu potencial e valor. Mas no caso delas, o buraco ainda é mais embaixo. Afinal, vivemos numa sociedade dominada pelos homens brancos. Além de serem mulheres, ainda eram negras em plena década de 60, precisando lidar com o preconceito da NASA, onde elas trabalharam. Nossas protagonistas não fogem à luta e estudam por horas a fio, buscando respeito para fincar seu espaço na história.

Menina de ouro

Falando em luta, Menina de Ouro é outro filme que aborda a força feminina. Nesse caso, não estamos falando apenas no sentido figurado. O longa aborda a relação carinhosa entre a lutadora Maggie e seu mentor Frankie, mostrando que as mulheres podem ser quem quiserem, inclusive grandes lutadoras.

Coco antes de Chanel

A revolução feminina pode estar em cada detalhe. Quando o assunto é moda, impossível não citar Coco Chanel. Com toda a certeza, ela trouxe um novo olhar ao universo das roupas, incorporando as calças aos nossos armários. Como foi a vida dessa mulher tão forte antes da fama? A história dela ganha as cenas de Coco antes de Chanel, filme que revela curiosidades pouco conhecidas da estilista.

 

 

Falando de Amor

Falando de Amor traz ninguém menos que a rainha Whitney Houston. Na história, 4 amigas se reencontram depois de muitos anos em sua cidade natal. Entre os temas do filme estão, por exemplo, carreira profissional e relacionamentos.

Mother of George

Não só o encontro entre mulheres, mas também o de culturas, pode fazer uma ótima narrativa. Em Mother of George, depois de viver um tradicional casamento nigeriano, Adenikke fica dividida entre sua cultura nagô e sua nova vida na América do Norte.

Aquarius

Outro filme brazuca incrível é Aquarius, que conta a história de Clara, uma mulher marcada por uma vida de luta. Vivida por Sônia Braga, a personagem é a última moradora do edifício onde mora e se vê numa situação difícil diante das investidas de uma construtora que pretende comprar o prédio a todo custo.

Que Horas Ela Volta

Ainda nos filmes brasileiros, Que Horas Ela Volta é uma obra repleta de sensibilidade. Ela retrata relações sociais e afetivas, dando luz a questões estruturais da sociedade brasileira e revelando a força de mulheres nordestinas de diferentes idades. Na época do vestibular, a jovem Jéssica sai de Pernambuco e, então, vai para o Rio se hospedar na casa dos patrões da mãe. Essa viagem traz uma série de reflexões importantes. Imperdível!

Histórias Cruzadas

O preconceito e a luta por mais igualdade também é tema de Histórias Cruzadas, que conta a história de uma aspirante à escritora, Jackson (Emma Stone), e sua busca por entrevistas com mulheres negras nos anos 60, que dedicam suas vidas à criação dos filhos da elite branca. Um filme sobre coragem que dá voz a muitas mulheres guerreiras.

O Sorriso de Monalisa

Para nos tornarmos grandes mulheres, nada como belas inspirações e referências. É o que mostra O Sorriso de Monalisa, filme que aborda a história de uma professora vivida por Julia Roberts que abre a mente e incentiva as suas alunas a se tornarem muito mais que “boas esposas” e “mães responsáveis”.

Libertem Angela

Se você é do time dos documentários, Libertem Angela é, com toda a certeza, nossa indicação. O filme retrata a vida de Angela Davis, uma professora de filosofia incrível, nascida no Alabama e conhecida por seu profundo engajamento na defesa dos direitos humanos.

A Cor Púrpura

A grande escritora Alice Walker é autora da obra A cor Púrpura, que também foi adaptada para o cinema. O racismo e o machismo são retratados nesse romance tão aclamado.

Felicidade por um Fio

Questões femininas e raciais podem ser contadas com boas doses de humor e leveza. É isso que prova Felicidade por um Fio, que conta a história da transformação de uma mulher, não só física, como também emocional. Para ilustrar essa retomada de consciência sobre sua natureza, o cabelo da personagem Violet Jones é um dos “protagonistas” da trama.

O Estranho que Amamos

Um dos mais recentes dos filmes da nossa lista é O Estranho que Amamos, dirigido por Sofia Coppola, que mostra a união de mulheres de um internato quando um homem desconhecido entra em suas vidas. No elenco estão grandes atrizes como Nicole Kidman e Kirsten Dunst.

Volver | Tudo Sobre Minha Mãe

Almodóvar, sem dúvida, sabe como trazer o protagonismo feminino à pauta cinematográfica. Em todos os seus filmes, o cineasta conta a história de mulheres potentes e cheias de personalidade. Entre eles, estão, por exemplo, Volver, Tudo Sobre Minha Mãe, Julieta e Abraços Partidos.

Filmes que instigam a reflexão e, acima de tudo, trazem força para nossos dias. Hoje é dia de colocar os pés para cima e a cabeça em histórias que são pura inspiração!

  • Tags

  • A pergunta que não quer calar Não lembro a data certa, mas lá pra 2013...
    saiba mais
  • Personalizar a decoração da casa  pode se mais simples do que se imagi...
    saiba mais
  • Olá, tudo bem? Eu sou a Adriana Salomão, criadora da marca SER Sinergi...
    saiba mais
  • compartilhar post

    posts relacionados

      MARIA FILÓ © 2017 Todos os direitos reservados.