O blog da Maria Filó

Na Viagem

Chicago – uma cidade cheia de surpresas

Sempre tive vontade de conhecer Chicago. Quando a oportunidade surgiu, nem pensei duas vezes! E foi a melhor coisa que fiz porque a cidade do presidente Obama é realmente deslumbrante! Com projeto arquitetônicos arrojados e uma mistura de novo com moderno, o que chama mais atenção são os arranha céus. Não é à toa que consideram a cidade uma mini-Nova Iorque.

Mas o  interessante é pensar que para o padrão do Brasil (ou dos EUA) é uma cidade média: ou seja, são três milhões de habitantes. Isso quer dizer que a qualidade de vida é bem melhor do que em uma grande metrópole, como São Paulo e NY.

Outra característica interessante é que, apesar de ser uma grande cidade e dos prédios enormes, há muito verde! São mais de 500 parques espalhados pela cidade.

Fiquei hospedada bem perto de um lindo e dos mais importantes da cidade, chamado Millennium. Para minha sorte, durante o verão há shows gratuitos ao ar livre e pude ver o pedaço de um! A banda tocando sob uma bela concha acústica, o som perfeito e milhares de pessoas sentadas na grama, no maior astral, fazendo piquenique, tomando seu vinho. Enfim, desfrutando um dia de verão.. em Chicago – o que não quer exatamente dizer que esteja calor.

Chicago é referência em artes plásticas e no mesmo parque há algumas esculturas ao ar livre que viraram verdadeiras atrações turísticas, como o Silver Bean (Feijão Prateado) que diverte quem chega perto por conta dos seus reflexos, trabalho do escultor indiano/inglês Anish Kapoor e outras obras de arte a céu aberto com projeções sensacionais.

Em frente ao Milleninum Park está o Art Institute of Chicago, com uma coleção permanente bem interessante em um lindo projeto arquitetônico. Destaque para o restaurante que além de ser de muito bom gosto, tem  pratos apetitosos!

Como boa turista que sou, fiz dois passeios para conhecer a cidade que recomendo muito: de um ônibus de turismo – daqueles que você podia saltar em vários pontos e voltar depois – e outro de barco, onde o destaque é a arquitetura da cidade e onde vi alguns dos prédios mais altos de Chicago, como o John Hancok Observatório que chega a ter 98 andares! Nem  é preciso dizer o quanto é deslumbrante a vista lá de cima.

Descobri também onde o presidente Obama se hospeda quando está na cidade: Sheraton, por ter vidros à prova de bala.

Mas meu hotel preferido foi o Park Hyatt, um prédio lindo com uma decoração de muito bom gosto! Adorei o restaurante Nomi, considerado um dos melhores e com uma impactante vista urbana da cidade.

Pertinho dali, uma boa opção para o almoço é o restaurante da Ralph Lauren. Só existem dois no mundo: em Paris e em Chicago. Comida ótima: saladas, sopas, sanduíches e um ambiente animado!

Fica na Michigan Avenue, a avenida mais chique de Chicago e onde estão as lojas mais conhecidas, como a Saks e Neiman Marcus. Destaque para o projeto da Burburry, simplesmente deslumbrante.

Fica difícil descrever Chicago – The Windy City, como chamam os americanos –  em um só post; tem ainda o Museu da Ciência, o Aquário, o Navy Pier – de onde se vê um entardecer mágico sobre o rio, e uma vasta programação cultural, que inclui musicais e o festival de música Loolapaloza, símbolo da cidade. Ou seja, já deu para perceber que Chicago é uma cidade que vale a pena ser conhecida e desbravada.

 

GUIA RÁPIDO

 

*Renata Araújo é autora do blog de viagens You Must Go.

  • Tags

  • Chego em casa e vejo uma vela no formato de um ponto de interrogação e...
    saiba mais
  •       Sabe aqueles momentos de mudança, quando sentimos...
    saiba mais
  • Lua de mel romântica no Caribe
    07.01.2020 • Cultura
    É sempre difícil escolher o destino da lua de mel, mas é fácil imagina...
    saiba mais
  • compartilhar post

    posts relacionados

      MARIA FILÓ © 2017 Todos os direitos reservados.